fbpx

Dicas de técnicas e condicionamento para o mountain bike

Para realizar uma prática de exercícios correta é necessário uma série de cuidados, preparações e precauções e dentre os pontos mais importantes no mountain bike é a preparação e condicionamento físico do praticante, seja ele iniciante ou profissional.

O preparador físico Alexandre Lima desmistifica alguns desses pontos importantes. Um dos alertas é com relação ao aquecimento e ao alongamento necessários ao condicionamento e resistência, que, porém, são confundidos e praticados de maneira incorreta.
O aquecimento é indispensável para a prática esportiva, porém ele apenas prepara seu corpo para o exercício, já o alongamento é algo treinável.
Pode-se reservar de um a dois dias, exclusivamente, para treino de alongamento, que trabalhará o alongamento do músculo e dará mais flexibilidade ao praticante, e que é a soma de três fatores: força, velocidade e agilidade. Porém esses treinos são contra-indicados antes e após treinos fortes ou competições.
O que é indicado para esses momentos é o alongamento usado apenas como aquecimento, apenas para trabalhar um pouco da musculatura que será utilizada naquele treinamento.
Sobre a musculação há três trabalhos importantes a serem realizados, que são ter foco em músculos motores específicos, prevenção de desequilíbrios musculares e trabalhos específicos do tronco.
A combinação perfeita para um atleta que pretende ter um bom desempenho no mountain bike é estar forte e leve, com o percentual de massa gorda entre 12 e 13% do total, mas esse controle deve ser feito única e exclusivamente por médico e nutricionista.
E o resultado de todo o treinamento, acompanhamento médico e nutricional e preparação física resulta no adiamento do desgaste do corpo.
Alexandre conta que é impossível um atleta, por mais bem preparado que ele esteja, não sinta dores ou desgastes em uma prova de endurance e longa distância, como maratonas e ultramaratonas, porém a união de todos esses fatores faz com que ele demore mais para sentir essas dores.
Fonte: webadventure

Mostrar mais

Edu Costa

Pai, Marido e Ciclista amador, praticante de MTB e Gravel que adora competições e procura novas rotas e aventuras com a bike. Acredita no poder transformador do esporte e por isso compartilha experiências e informações. Escreve sobre o ciclismo Road Bike e Mountain Bike desde 2009 em seu primeiro projeto e agora é o fundador e editor do Mountain Bike Brasil

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Gostou do Conteúdo?

Fortaleça o projeto seguindo a gente no Youtube!